Árvores digitais são instaladas em cidades lindeiras

Parana Divulga Oeste, Paraná

Árvores digitais solares instaladas pela Itaipu Binacional nos lindeiros ao Lago de Itaipu já receberam mais de 170 acessos desde novembro do ano passado. Nesta semana mais 4 municípios devem receber os equipamento.

O primeiro modelo foi instalado no Centro de Foz do Iguaçu que hoje já conta com duas unidades. A árvore digital na verdade é uma estrutura metálica com sinal aberto de internet e abastecida com energia solar para que os usuários possam carregar a bateria dos aparelhos celulares.

O projeto desenvolvido pela Itaipu Binacional em parceria com o conselho dos municípios lindeiros. Visa a inclusão digital e cidadania. Além de dar a possibilidade para o cidadão navegar na internet, o equipamento também fornece informações como campanha de vacinação e dicas para pagamento de tributos, integrando o poder público e a comunidade.

O sistema ainda é novidade para muita gente.

Quem descobriu o sinal aberto antes aproveitou para fazer contato e quer mais arvores espalhada pela cidade.

A ideia é colocar árvores digitais em todos os 16 municípios lindeiros ao lago de Itaipu ainda este ano. Cada equipamento tem capacidade para até 100 conexões sem fio ao mesmo tempo. E mesmo com pouca divulgação, as arvores e funcionamento já receberam mais de 170 mil acessos.