Bernardo Jorge assume presidência do PRB no Paraná

Parana Divulga Sem categoria

O advogado e empresário Valdemar Bernardo Jorge, 42, assumiu na sexta-feira, 6, a presidência estadual PRB. Bernardo Jorge assume no lugar do executivo e ex-diretor da Record Internacional, Aroldo Martins, que passa a comandar a vice-presidência do PRB no Paraná


“Eu nunca fui político, nunca atuei na gestão pública. Aceitei esse importante desafio por compreender a proposta republicana para o desenvolvimento do Paraná e para ajudar a construir o novo PRB no estado”, disse Bernardo Jorge no encontro que reuniu mais de 500 lideranças do partido.

Bernardo Jorge disse que vai liderar um movimento para atrair novas lideranças ao partido no Paraná. “Temos que trazer mais pessoas para se filiarem ao PRB. Pessoas de bem, que tenham os mesmos princípios democráticos do nosso partido, que pensem no bem-estar social e no desenvolvimento do Paraná em todos os setores”, destacou o empresário cascavelense que reside em Curitiba e atua no setor de agronegócio e da indústria.

Renovação – O vice-presidente do PRB no Paraná, Aroldo Martins, reforçou a força do partido em todo o Brasil e o novo momento de renovação política da sigla. “O PRB é um partido grande e forte, que tem 106 prefeitos no Brasil, 1624 vereadores, 37 deputados estaduais, 23 federais e um senador. São quatro milhões de brasileiros que escolheram o PRB, o que comprova essa força e a necessidade de assumirmos este papel de um partido grande e de protagonistas no cenário nacional”, disse.


Segundo Aroldo Martins, esse quadro deverá ampliar ainda mais nas próximas eleições pela projeção política do PRB que prevê a construção de candidaturas para deputado estadual, deputado federal, senador e governador.


“Não resta dúvida que somos grandes e que o PRB não é um partido de uma instituição apenas ou que representa algum nome. Temos diversidade no nosso quadro, de vários segmentos, e o exemplo é o nosso novo presidente estadual, o advogado Valdemar Bernardo Jorge, que vem da iniciativa privada para compor o projeto do PRB para o desenvolvimento do Paraná”, salientou.


Nova liderança – O senador e presidente nacional do PRB, Eduardo Lopes, destacou o momento político do Brasil e a representação do novo perfil de liderança que atrai o interesse da população. “Nós temos apenas duas alternativas quando vemos o atual cenário de crise no Brasil. Ou nos afundamos, ou saímos dela. E isso só é possível quando entendemos a importância da política e não da politicagem, como instrumento de inclusão social e de transformação da sociedade”, disse.

Lopes destacou que o advogado Bernardo Jorge representa o novo perfil de representante político aceito pelos brasileiros. “Ele nunca foi político, é um empresário e advogado bem-sucedido. Tenho certeza que não precisava estar na política porque tem a vida estabelecida. Contudo, aderiu ao projeto do PRB porque sabe qual o valor da boa política, tem responsabilidade e sabe que poderá, junto conosco, com esse projeto de desenvolvimento do Paraná, ajudar a construir uma PRB forte, diverso e grande”, disse.


A posse da nova executiva do partido no Paraná reuniu em Curitiba, por mais de duas horas, mais de 500 lideranças, militantes e simpatizantes do PRB. O momento de renovação política do Brasil e o projeto de candidaturas do partido para diferentes cargos públicos foram os principais temas debatidos no encontro.

Filiações – Eduardo Lopes abonou a ficha de filiação do advogado Bernardo Jorge e dos demais integrantes da nova executiva estadual.O ex-prefeito de Pinhais, Luizão Goulart, ingressou no partido. Luizão, por dois mandatos, com 94% de aprovação, foi avaliado o melhor prefeito do Brasil.

Ao assinar a ficha de filiação, Luizão, também destacou a coerência do projeto do PRB e os motivos para escolher a legenda. “Eu fui por 30 anos de um partido, o PT, como vocês sabem. Decidi sair porque entendo a grandeza do projeto do PRB, os princípios de honestidade e seriedade das pessoas que compõem o partido e este grande movimento para o desenvolvimento em todos os setores do Paraná”, disse.