Richa autoriza R$ 135,7 milhões para obras em mais 24 cidades da região de Laranjeiras do Sul

O governador Beto Richa confirmou mais R$ 135,7 milhões para obras e investimentos em 24 cidades do centro-sul. “Reafirmamos a disposição do governo em caminhar ao lado dos prefeitos, em fortalecer essa parceria de trabalho que tem se traduzido em muitas obras em todas as áreas em diversas regiões do Paraná”, disse Richa no encontro que reuniu 24 prefeitos da região na noite desta quarta-feira, 29, em Laranjeiras do Sul. 

Os recursos, autorizados por Richa, vão para melhorias urbanas, compra de equipamentos rodoviários, equipamentos agrícolas, veículos e ações em saúde, melhoria de escolas, instalação de mini arenas e academias ao ar livre, aquisição de caminhões e materiais para coleta seletiva de lixo, além de saneamento. “Entendemos que é nas cidades que as pessoas vivem e nós precisamos investir para garantir qualidade de vida aos paranaenses”, disse.
 
Richa destacou ainda que os investimentos são possíveis graças ao ajuste fiscal efetivado no Paraná e que com as medidas adotadas todas as contas do Estado estão em dia. “Fomos o primeiro estado a fazer os ajustes e o primeiro a sair da crise. Neste ano tivemos o maior investimento da história, de R$7,8 bilhões, e o orçamento do ano que vem está na Assembleia Legislativa para votação, com R$ 8,4 bilhões. É isso que nos permite chamar os prefeitos e anunciar grandes investimentos”, afirmou o governador.

O chefe da Casa Civil Valdir Rossoni destacou que Laranjeiras do Sul vive um momento único em sua história com a liberação de mais de R$ 20 milhões em investimentos. “A cidade vai viver uma transformação depois que esses projetos acontecerem. A atenção é digna da importância que Laranjeiras do Sul tem para o Paraná”, disse. “O governador autoriza mais de R$ 110 milhões computando esses  municípios da região. Isso é resultado do trabalho dos prefeitos na elaboração de bons projetos”, completou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *