Richa libera R$ 100 milhões em créditos do ICMS para as empresas do Paraná

Empresas do Programa Paraná Competitivo poderão utilizar em 2017 até R$ 100 milhões em créditos acumulados do ICMS para aquisições de bens, inclusive peças e partes de máquinas, e material destinado a investimentos no Estado. A medida foi autorizada nesta segunda-feira (29) pelo governador Beto Richa no encontro com empresários do G7, grupo de entidades do setor produtivo. Richa ressaltou que além das indústrias, o comércio também pode ser beneficiado. “Esses setores terão esses créditos disponíveis para investimentos, como ampliação de seus estabelecimentos, aquisição de veículos, caminhões e máquinas, tudo que é necessário para ampliação dos investimentos no Estado”, afirmou.
“Temos segurança jurídica, estabilidade política e respeito a quem trabalha e produz”, disse Richa. “Queremos, na contramão da crise, estimular os investimentos no Paraná”, salientou, reforçando que os incentivos se refletem positivamente na geração de empregos.
O Paraná Competitivo já contabiliza R$ 42,5 bilhões em investimentos – R$ 24 bilhões de empresas privadas e R$ 18,5 bilhões de estatais. O número de empregos gerados por meio dos incentivos é de 400 mil – entre diretos e indiretos.