Chico Brasileiro reassume a prefeitura de Foz do iguaçu e elenca obras que entregará ainda neste ano de 2020

Parana Divulga Sem categoria

O prefeito Chico Brasileiro (PSD) volta ao batente nesta segunda-feira, 27, depois de um ligeiro descanso, e o GDia o acompanhou no programa da Rádio Cultura no último sábado, 25, onde o prefeito conversou e respondeu às perguntas enviadas pelos ouvintes e iguaçuenses.

Os temas desta semana passaram pela lotação da Prainha de Três Lagoas, o programa habitacional que vai entregar perto mil residências nos próximos dias, o recebimento do lote de 2,8 mil doses da vacina pentavalente, a execução do asfalto na Vila C, a inauguração de praças e espaços de lazer e a implantação da malha cicloviária na cidade.

A conversa foi acompanhada pelo vice-prefeito Nilton Bobato (MDB) e os secretários Ney Patrício (Fazenda), Reginaldo da Silva (Segurança) e Romildo Ferreira (Saúde – interino).

“Foz do Iguaçu tem o maior programa habitacional do País”, disse Chico Brasileiro sobre as obras adiantadas do Residencial Angatuba que deverão ser entregues até maio. Cerca de  mil famílias vão morar no local que vai receber a infraestrutura básica que inclui a construção de uma creche, uma escola, a reforma do posto de saúde, além das obras de acesso (asfalto) ao conjunto.

“Foz é única cidade do Sul do Brasil com o investimento do Programa Minha Casa, Minha Vida. São quase mil residências. A prefeitura fez a articulação em Brasília para mostrar que tem capacidade de investimentos. Vamos fazer as vias de acesso, construir uma creche e uma escola para atender essas famílias. Foz foi beneficiada porque vai investir cerca de R$ 10 milhões só na construção da escola, creche e asfalto. São quase mil residências, É o maior programa em execução hoje em cidades brasileiras com esse tipo de recurso”, disse Chico Brasileiro.

Casas – Estão em construção em Foz Iguaçu mais de mil moradias: O Residencial Angatuba, com 340 unidades, os Residenciais Boicy I e II, com 576 unidades, além das 40 casas do Condomínio do Idoso. Também estão em fase de licitação pela Cohapar outras 100 casas na região do Lagoa Dourada. Os investimentos passam de R$ 86 milhões.

De acordo com o Fozhabita, cerca de 100 famílias que vivem hoje na Comunidade do Monsenhor Guilherme terão prioridade no Residencial Angatuba por se tratar de uma medida judicial que determina a realocação.

As demais unidades habitacionais são direcionadas por sorteio às famílias prioritárias, de acordo com os critérios de hierarquização estipulados pelo Ministério das Cidades e adotado pela Caixa Econômica Federal: residentes em áreas de risco, famílias com idosos ou pessoas com deficiência ou famílias chefiadas por mulheres.

Chico Brasileiro ainda apontou as 25 casas em construção na Vila C em uma parceria com a Itaipu Binacional. “A Itaipu é uma grande parceira da prefeitura e da cidade em obras, projetos, programas e em outros empreendimentos que representam mais desenvolvimento e mais empregos”, disse.

‘No bate-pronto’ dos novos
projetos de Chico Brasileiro

De bate-pronto, o prefeito Chico Brasileiro (PSD) não deixou pergunta sem resposta no programa deste sábado, 25, na Rádio Cultura de Foz do Iguaçu. Por exemplo, o prefeito sinalizou que pretende estudar a transformar a Prainha de Três Lagoas num centro de lazer e turismo como no Marco das Três Fronteiras.

“A Prainha passou reformas e recebeu nesta semana quatro mil visitantes. Todas as secretarias (segurança, esporte, obras) trabalharam em conjunto para fazer o melhor para a população. A prainha precisa de um modelo de investimentos e podemos nos inspirar no modelo que temos no Marco da Três Fronteiras para ter ali um grande centro de atrativos de lazer de esportes náuticos”, disse.

Chico Brasileiro também defende a implantação de áreas e espaços comunitários para lazer dos moradores dos bairros. “Temos que criar esses espaços comunitários como foi feito no Vale do Sol em Três Lagoas”, disse.

O prefeito adiantou que vai entregar ainda este ano a revitalização da Praça Sete de Setembro no Morumbi e de espaços do programa Meu Campinho, “São espaços para famílias, juventude, idosos, para todos. A próxima vai ser inaugurada em Aporã nos próximos dias. A 7 de setembro já foi dada a ordem serviço vai ser entregue daqui mais uma semana, vários campos estão sendo licitados, várias áreas de lazer, várias investimentos em áreas comunitária”.

Chico Brasileiro afirmou ainda que o projeto de implantação de ciclovias em Foz do Iguaçu já está pronto e será licitado nos próximos dias. “Da Avenida Tarquínio Santos, vai unir na Avenida Tancredo Neves que está sendo feita pela Itaipu Binacional, e vai passar pela universidade indo até a Avenida Andradina e vai dar sequência até a Vila A, onde a Itaipu está fazendo também em torno do CTG Charrua. Vamos fazer um circuito de ciclovias”.