CNJ tenta conter farra de pagamentos milionários a juízes e condiciona desembolsos a aval do órgão