Marinha de Foz do Iguaçu recebe inscrição para o concurso da Escola Aprendizes-Marinheiros

Parana Divulga Foz do Iguaçu

A Capitania Fluvial do Rio Paraná (CFRP), a Marinha de Foz do Iguaçu, já está com as inscrições para o concurso da Escola Aprendizes-Marinheiros. O procedimento, que prevê a abertura de 900 vagas, vai até o dia 3 de fevereiro e tem um custo previsto de R$ 25,00. O futuro candidato também poderá realizar a inscrição no site Ingresso na Marinha, informa Ronildo Pimentel no GDia.

A Marinha de Foz do Iguaçu, localizada na Rua Barão do Rio Branco, 170, é um dos locais selecionados para a aplicação de prova escrita, prevista para a primeira quinzena de abril. O teste ocorre ainda em Macaé (RJ), Belo Horizonte (MG), Ilhéus (BA), Aracaju (SE), Maceió (AL), João Pessoa (PB), São Francisco do Sul (SC), Uruguaiana (RS), Cuiabá (MT), Palmas (TO), Barra Bonita (SP) e Porto Velho (RO).

Os 900 aprovados participarão de um curso de formação de marinheiros para a ativa com duração de um ano. O concurso, de acordo com o edital, é aberto apenas para homens brasileiros solteiros (sem união estável) que tenham entre 18 e 22 anos completados até 1º de janeiro de 2021. Também é preciso ter concluído o ensino médio e ter altura mínima de 1,54 metro e máxima de 2 metros.

Os resultados do concurso da Marinha serão divulgados na primeira quinzena de dezembro de 2020. O curso de formação começa em 18 de janeiro de 2021. Após a conclusão e finalização do estágio probatório, já como militar, o candidato receberá remuneração bruta de R$ 2.294,50.

Programação
A partir de junho, serão realizadas as etapas de verificação de documentos, avaliação psicológica, inspeção de saúde e teste de aptidão física dos candidatos. O edital, publicado em 5 de dezembro do ano passado, foi retificado, para a inclusão de novos postos de inscrição e a atualização dos valores recebidos pelos aprendizes, grumetes e marinheiros na formação.

A Marinha também exige que o candidato tenha idoneidade moral a ser averiguada. Ainda será preciso estar em dia com as obrigações militares e eleitorais, não ser réu em ação penal nem ter sido nos últimos cinco anos responsabilizado por ato lesivo ao patrimônio público ou condenado em processo criminal com sentença transitada em julgado (quando não cabe mais recurso).

Capacitação
A formação inicial segundo a Marinha, será sob regime de internato, inteiramente gratuita, com duração de um ano letivo (48 semanas), com disciplinas do ensino básico e do ensino militar-naval. As aulas acontecerão em uma das quatro unidades da Marinha em Fortaleza (Ceará), Recife (Pernambuco), Vila Velha (Espírito Santo) e Florianópolis (Santa Catarina).

No ato da inscrição, o candidato poderá escolher a unidade de sua preferência e a ordem de sua preferência para a formação profissional: Eletroeletrônica, Apoio e Mecânica. Durante o curso, os alunos receberão alimentação, uniforme e assistências médico-odontológica, psicológica, social e religiosa.