Romanelli quer estatal para controlar pedágio