China multa farmácias que elevaram preços das máscaras

Uma farmácia de Pequim, capital da China, foi multada em 3 milhões de yuanes — cerca de R$ 1,8 milhão — por autoridades municipais nesta quarta-feira (29). A farmácia recebeu a punição por ter multiplicado por seis o preço de venda de máscaras N-95, a mais popularmente usada para proteger as pessoas do surto de coronavírus. Segundo o último boletim oficial, 170 pessoas morreram na China, enquanto mais de 7,2 …